Você está aqui: Página Inicial > Notícias > W3C inicia os trabalhos de construção de padrões para pagamentos via Web para agilizar as transações online

Notícias

W3C inicia os trabalhos de construção de padrões para pagamentos via Web para agilizar as transações online

publicado: 21/10/2015 02h00 última modificação: 20/04/2016 11h07

Os padrões propostos atenderão uma ampla gama de métodos de pagamento existentes e futuros, incluindo débito, crédito, sistemas de pagamento móvel, custódia, bitcoin e outras tecnologias tipo distributed ledger como blockchain. APIs (Application Programming Interfaces) padronizadas estabelecerão as bases para simplificar as transações e a experiência de pagamento, oferecendo maior segurança nas transações, pagamentos automatizados e seguros, e mais opções de pagamento para comerciantes e usuários. Essas APIs permitirão que os usuários registrem seus meios de pagamento (como cartões de crédito ou serviços online de pagamento) e selecionem o tipo de pagamento desejado pelo navegador, tornando o ato de pagamento mais rápido, mais seguro e mais fácil, principalmente em dispositivos móveis. Os padrões também deverão tornar mais fácil para os desenvolvedores da Web fazerem a integração dos meios de pagamento novos e os já existentes.

"A indústria tem lançado carteiras digitais de modo a melhorar a segurança e usabilidade de pagamentos feitos pela Web, bem como apoiar iniciativas de marketing. No entanto, os usuários ainda não abraçaram a ideia", disse o Dr. Jeff Jaffe, CEO do W3C. "Acreditamos que uma das razões para isso é que o mercado de carteira digital (digital wallets) é fragmentado e provedores usam interfaces de programação incompatíveis. Os padrões propostos pelo W3C ajudarão a assegurar a interoperabilidade das diferentes soluções ao padronizar as APIs. Assim, quando você compra algo, os instrumentos de pagamento que você possui devem estar entre os instrumentos de pagamentos que o comerciante aceita, de uma forma que tudo se integre perfeitamente ao fluxo da transação."

Pesquisas conduzidas por empresas como a Business Insider confirmam as diversas razões pelas quais, em média, 68% das pessoas não concluem suas compras online. Os padrões para pagamentos pela Web do W3C ajudarão também em algumas das questões relacionadas ao carrinho de compras abandonado, melhorando a usabilidade e segurança, por meio de mensagens padronizadas e APIs para o início, confirmação e conclusão dos pagamentos. Com o apoio dessas APIs, os usuários poderão escolher o instrumento de pagamento preferido para uma transação particular, e as mensagens entre aplicativos Web e prestadores de serviços de pagamento serão mediadas pelo navegador em nome do usuário.

"É um desafio para os comerciantes oferecer novas opções de pagamento para os consumidores devido às muitas soluções proprietárias e ao número de diferentes APIs com que eles têm de lidar", comentou Mark Horwedel, CEO do Merchant Advisory Group (MAG). "Os padrões abertos do W3C ajudarão os provedores de pagamento e comerciantes a ter menores custos de gerenciamento de pagamentos, e contribuirão para transparência e melhor escolha por parte dos consumidores, além de criar novas oportunidades para introduzir serviços de valor agregado. Essas APIs também nos darão uma base para futuros serviços de pagamentos pela Web."

O estatuto ou charter e FAQ para este novo Grupo de Trabalho sobre Pagamentos pela Web foram elaborados pelo Grupo de Interesse em Pagamentos pela Web (Web Payments Interest Group) do W3C, cujos participantes incluem representantes técnicos de bancos, prestadores de serviços de pagamento, comerciantes, empresas que desenvolvem navegadores, fabricantes de hardware e outras partes interessadas da indústria. O novo Grupo de Trabalho sobre Pagamentos pela Web vai se encontrar pela primeira vez durante a semana da Plenária Técnica do W3C (TPAC), sob a liderança dos co-chairs Adrian Hope-Bailie (Ripple) e Nick Telford-Reed (WorldPay). Os contatos da equipe técnica do W3C para este grupo de trabalho são Ian Jacobs e Doug Schepers.

O Grupo de Interesse de Pagamentos pela Web, sob a liderança dos co-chairs Erik Anderson (Bloomberg) e David Ezell (NACs), continuará a identificar áreas adicionais para a futura padronização.

O trabalho relativo aos pagamentos no W3C é apoiado em parte pela União Europeia através do projeto HTML5Apps.

Sobre o Consórcio World Wide Web

O World Wide Web Consortium (W3C) é um consórcio internacional no qual as organizações associadas, profissionais de tempo integral e especialistas afins trabalham juntos para desenvolver padrões Web. O W3C realiza a sua missão por meio da criação de padrões para a Web e diretrizes que garantem o crescimento e gestão de longo prazo para a Web. Mais de 400 organizações são membros do Consórcio.

O W3C é dirigido conjuntamente pelo Laboratório de Ciência da Computação e Inteligência Artificial do MIT (MIT CSAIL), nos Estados Unidos, pelo Consórcio Europeu para a Investigação, Informática e Matemática (ERCIM), na França, pela Universidade de Keio no Japão e pela Universidade Beihang, na China. O W3C possui escritórios na Austrália, Países Baixos, Brasil, Finlândia, França, Alemanha e Áustria, Grécia, Hungria, Índia, Itália, Coréia do Sul, Marrocos, Rússia, África do Sul, Espanha, Suécia e Reino Unido e Irlanda. Para mais informações consulte www.w3.org/.

Contato de Mídia

Karen Myers, W3C - w3t-pr@w3.org
Fone: 1.978.502.6218

Depoimentos de membros do W3C

Bloomberg · DeutscheTelekom · Digital Bazaar · ETA · Federal Reserve Bank · Ingenico Labs · MAG · NACS · Qihoo360 · Rabobank · Ripple · WorldPay

Bloomberg
Erik Anderson, Bloomberg R & D Bloomberg é um forte apoiador do W3C. A tendência é que os consumidores de serviços financeiros usem dispositivos móveis, serviços na nuvem, e a Internet pública, os quais se beneficiam da padronização, que leva em conta a utilização segura por parte do usuário. A criação do Grupo de Trabalho sobre Pagamentos pela Web é um dos muitos passos nessa direção. Estamos orgulhosos de ajudar a liderar esses esforços.

Deutsche Telekom
Martin Christahl, VP de Produtos e Gestão de Portfólio, Unidade de Negócios de Pagamento
Jörg Heuer, Diretor de Inovação & Pesquisa de Pagamento e Transações e Política de Inovação

O advento sem precedentes do comércio eletrônico tem sido impulsionado pela Web por mais de uma década. Estamos contentes com o fato de que a principal instituição para tecnologias Web decidiu finalmente tomar conta da padronização desse ambiente para aumentar a segurança, a adoção e o desenvolvimento de um rico ecossistema de comércio eletrônico e pagamentos que poderá conectar até mesmo o mundo do varejo tradicional de itens de construção ao mundo baseado na Web.

Digital Bazaar
Manu Sporny, Founder/CEO Digital Bazaar
Como o número de pessoas utilizando a Web por meio de dispositivos móveis e desktop continua crescendo - estima-se atingir 6 bilhões de usuários até 2020 - é vital que trabalhemos afim de melhorar a segurança, conveniência e a velocidade com que enviamos e recebemos dinheiro online. Parabenizamos o W3C por reunir um grupo com líderes da indústria de todo mundo afim de identificar e propor padrões para resolver os problemas técnicos atuais relacionados aos pagamentos pela Web.

O trabalho que o grupo de Pagamentos pela Web está encarregado de realizar garantirá que nós estejamos aptos a construir a próxima geração de sistemas de pagamentos baseada nos princípios de alcance global, concorrência leal, e acesso público, os mesmos que fizeram da Web um dos sistemas de comunicação mais poderoso no mundo.

Como um membro fundador desse esforço, a Digital Bazaar espera continuar a trabalhar com muitas das maiores mentes no assunto para melhorar o estado dos pagamentos pela Web.

Electronic Transactions Association (ETA)
Jason Oxman, CEO
O trabalho realizado pelo grupo do W3C de Pagamentos pela Web servirá para assegurar o desenvolvimento de padrões Web abertos relacionados a pagamentos a fim de permitir a interoperabilidade, promover a inovação e apoiar o crescimento contínuo e robusto da indústria de seguros e pagamentos.

Federal Reserve Bank
O Federal Reserve Bank tem satisfação por ter recentemente reconhecido o trabalho do grupo do W3C de Pagamentos pela Web no boletim FedFocus.

Ingenico Labs
Michel Léger, VP Executivo de Inovação, Ingenico Group
Nós acreditamos em um futuro no qual o pagamento será integrado aos aplicativos. Estamos felizes em apoiar todas as iniciativas que ajudam a tornar esta visão em realidade. O W3C é o lugar certo para criar os padrões para um acesso fácil e seguro a serviços financeiros e, portanto, permitir que surjam novos casos de uso que os consumidores tanto esperam no mundo digital de hoje.

Merchant Advisory Group (MAG)
Mark A. Horwedel, CEO, MAG
O MAG apoia inteiramente o Grupo de Trabalho sobre Pagamentos pela Web e seu objetivo de desenvolver padrões que oferecerão aos clientes mais opções de pagamento, reduzirão as limitações hoje existentes no ato das transações, melhorarão a segurança geral do sistema e incentivarão a inovação no ambiente de pagamentos.

The Association for Convenience & Fuel Retailing (NACS)
Michael Davis, vice-presidente de Serviços aos Membros, NACS NACS tem sido um defensor dos pequenos empresários no acesso aos serviços financeiros e tem defendido a melhoria do controle das taxas de câmbio, reduzindo a dependência dos sistemas financeiros fechados, e tem apoiado a melhoria do ambiente competitivo de consumidores e fornecedores. Outro de nossos objetivos inclui o fornecimento de condições de concorrência equitativas para a prestação de serviços financeiros, de tal maneira que se forneça ampla disponibilidade desses serviços para todos. A proposta do Grupo de Trabalho sobre Pagamentos pela Web condiz com esses objetivos.

Impulsionando a convergência dos casos tradicionais de uso da Web para pagamento com as exigidas para as transações tradicionais terá um forte impacto positivo sobre os comerciantes e os consumidores. E abrindo os serviços financeiros anteriormente indisponíveis para atores que não estão no nicho de sistemas financeiros contribuirá para que surjam sistemas de pagamentos mais inclusivos.

O Grupo de Trabalho sobre Pagamentos pela Web ajudará a NACS a cumprir sua missão de defesa de serviços financeiros. Felicitamos o W3C pela criação deste grupo de trabalho.

Qihoo360
Baoqing Li, Qihoo 360 Líder Técnico de Marketing Online; Liangang Li, Qihoo 360 Líder Técnico de Plataformas de Pagamento
Como a maior empresa de segurança de Internet na China, Qihoo360 sempre busca garantir a segurança dos nossos usuários. Estamos muito satisfeitos por ver que o W3C se esforça ativamente para desenvolver normas seguras de pagamento pela Web. Para contribuir para a segurança do processo de pagamento do usuário, gostaríamos de compartilhar as experiências relacionadas com a segurança que se acumularam ao longo dos últimos anos, com toda a comunidade de pagamento pela Web, bem como nossas soluções de pagamento de segurança que já foram fortemente promovidas na indústria, que incluem a autenticação baseada em rede de identidade eletrônica, o método de criptografia de nível nacional, e meio de pagamento móvel que utiliza NFC. Com estas soluções, os usuários não têm divulgadas suas informações privadas, tais como os seus nomes, números de cartões de identificação, números de cartões bancários ou qualquer outra informação crítica durante o processo de pagamento. Esperamos que estes esforços e práticas ajuda a evitar o vazamento da informação privada dos usuários, evitar o risco de segurança relacionado com o processo de pagamento e trazer uma experiência de pagamento mais segura para os usuários.

Rabobank
Evert Fekkes, Business Information Manager
Rabobank apoia o lançamento do Grupo de Trabalho sobre Pagamentos pela Web. No desenvolvimento atual de pagamentos pela Web, encontramos falta de clareza na interação dos processos de negócio relacionados a pagamento. Rabobank espera que os resultados do Grupo de Trabalho sejam fundamentais para promover a padronização neste domínio.

Ripple
Chris Larsen, CEO da Ripple
O mundo precisa de uma Internet de Valor para mover valor tão facilmente como a informação se move hoje. Acreditamos firmemente que a Internet de Valor será construída em padrões Web abertos e neutros e os pagamentos em sistemas interoperáveis. O Grupo de Trabalho sobre Pagamentos pela Web do W3C desempenha um papel crítico no desenvolvimento dessas normas, e estamos entusiasmados para participar entre os principais players da indústria para ajudar a moldar o futuro dos pagamentos pela Web.

WorldPay
Nick Telford-Reed, Diretor de Inovação Tecnológica na WorldPay e co-chair do Grupo de Trabalho de Pagamentos na Web
O desenvolvimento de padrões marca o início de uma nova era no que diz respeito à pagamentos digitais. Carteiras digitais (digital wallets) e outras formas online de pagamentos têm proliferado em um ritmo rápido mundialmente, criando um cenário cada vez mais cheio e fragmentado. Com um padrão comum para estes métodos de pagamento em vigor, os varejistas e comerciantes serão capazes de processar uma ampla gama de transações mais facilmente e entregar a experiência online segura, transparente e flexível, que seus clientes esperam, independentemente do local ou método de pagamento preferido no meio digital.

Fonte: W3C Brasil.