Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Servidores participam de workshop sobre desenvolvimento de softwares

Notícias

Servidores participam de workshop sobre desenvolvimento de softwares

Capacitação foi feita com servidores de 11 órgãos

publicado: 30/09/2015 01h00 última modificação: 20/04/2016 11h11

Servidores de 11 órgãos participaram, nesta quarta-feira (30), do Workshop sobre Práticas Ágeis, na Escola Nacional de Administração Pública (Enap), em Brasília. Voltada para servidores da área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) dos 217 órgãos que compõe o Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (Sisp), a oficina tem como objetivo apresentar e disseminar práticas ágeis para o desenvolvimento de softwares na administração pública.

João Paulo Novais, servidor do Serpro e instrutor do workshop, afirmou que essa é uma oportunidade para os servidores repensarem seus processos de trabalho. Segundo Novais, o desenvolvimento de softwares não pode ser tratado como algo industrial. “Desenvolver um software demanda um forte envolvimento de pessoas e precisamos nos adaptar a essa realidade. Assim, estaremos aptos a entregar mais valores a nossos clientes e a entendê-los melhor”, afirmou.

Já para Alexandre Pinheiro, servidor do Comando do Exército, esse ciclo de capacitação trará mais praticidade e ganho de performance na construção de softwares. “O trabalho desenvolvido aqui nos ajudará a entender a teoria e aplicá-la na prática. Vai facilitar nosso trabalho no dia a dia e simplificará as atividades da máquina pública”, declarou.

Os cursos, que têm carga horaria de 12h, seguem até 2 de outubro com duas turmas, uma pela manhã e outra à tarde.

Sisp

Tendo a Secretária de Logística e Tecnologia da Informação (SLTI) como órgão central, o SISP é a estrutura usada pelo governo federal para a organização do trabalho, controle, supervisão e coordenação da área de TI na administração direta, autárquica e fundacional. A atuação do SISP acontece em vários eixos temáticos, com destaque para governança, padronização tecnológica, software público, contratações, serviços de rede, segurança da informação, Padrões de Interoperabilidade do Governo Eletrônico (e-Ping) e governo eletrônico.

Fonte: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.