Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Servidores do Serpro conhecem Estratégia de Governança Digital

Notícias

Servidores do Serpro conhecem Estratégia de Governança Digital

Documento será publicado até o fim de agosto

publicado: 03/01/2015 03h00 última modificação: 17/05/2016 15h09

Servidores do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) conheceram hoje (3) a proposta para implantar a primeira Estratégia de Governança Digital (EGD) do governo federal. O documento em elaboração pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP) terá validade para os 219 órgãos integrantes do Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (Sisp). O evento foi realizado na sede do Serpro, em Brasília.

A proposta de elaboração do documento está alinhada ao Programa Bem Mais Simples Brasil, lançado em fevereiro de 2015 pela Presidenta Dilma Rousseff. Neste sentido, a EGD coloca a Tecnologia da Informação e das Comunicações (TIC) para viabilizar o acesso à informação, promover melhores serviços governamentais e ampliar a participação social.

“Nosso desafio é evoluir rapidamente para uma estrutura de serviços transacionais, onde os cidadãos consigam ter suas necessidades atendidas sem a necessidade de interação com um servidor público”, disse o secretário de Logística e Tecnologia da Informação do MP, Cristiano Heckert.

O trabalho para a construção da EGD começou em junho deste ano. Para elaborar o documento, a Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação (SLTI) realizou um seminário internacional, três oficinas e abriu consulta pública no Portal da Participação Social (Participa.br) para receber sugestões de gestores, servidores, academia e sociedade em geral, esforço que resultou em 1.194 contribuições.

"Utilizamos as duas últimas semanas para analisar as colaborações recebidas. Até o fim de agosto esperamos publicar o decreto da EGD, que orientará os órgãos do Sisp até 2019", informou Heckert.

A EGD substituirá a Estratégia Geral de Tecnologia da Informação e Comunicações (EGTIC), instrumento anteriormente utilizado para alinhar as iniciativas de TIC às estratégias do governo federal.

Fonte: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.