Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Planejamento pesquisa o uso de ferramentas de acessibilidade

Notícias

Planejamento pesquisa o uso de ferramentas de acessibilidade

publicado: 30/10/2012 15h38 última modificação: 20/04/2016 10h50

Brasília, 30/10/2012 – Para analisar o uso das tecnologias assistivas por pessoas com deficiência e obter um panorama da sua utilização no acesso à internet, o Ministério do Planejamento (MP), em parceria com o World Wide Web Consortium Escritório Brasil (W3C Brasil), realiza pesquisa até o dia 21 janeiro de 2013. Nesta primeira fase, será estudado o uso de ampliadores e leitores de tela.

Para o secretário de logística e tecnologia da informação, Delfino Natal de Souza, este estudo será importante para possíveis alterações no Modelo de Acessibilidade de Governo Eletrônico (e-MAG). “O e-MAG é a base da política pública para tornar os sítios governamentais acessíveis para todas as pessoas e nós, enquanto gestores públicos, acreditamos que a pesquisa será útil para saber o que a população pensa dessas ferramentas”, explica.

O modelo, criado em 2004, tem um conjunto de recomendações para tornar acessível a pessoas com deficiência os conteúdos e serviços eletrônicos federais, de forma padronizada e de fácil implementação. Nos últimos seis anos, o documento foi alterado com a inclusão de outras iniciativas e, consequentemente, melhorar os serviços oferecidos.

A terceira versão (e-MAG 3.0) foi lançada no segundo semestre de 2011. Entre as novidades dessa edição está a padronização de atalhos para facilitar o acesso às informações. Desde 2007, o seu uso é obrigatório no âmbito Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (SISP).

A pesquisa está disponível na página do W3C Brasil.

Fonte: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão