Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Planejamento participa de Fórum da EU sobre o impacto social das TIC

Notícias

Planejamento participa de Fórum da EU sobre o impacto social das TIC

publicado: 03/09/2010 15h49 última modificação: 20/04/2016 09h27

O secretário de Logística e Tecnologia da Informação (SLTI) do Ministério do Planejamento, Rogério Santanna, participa, em Lisboa, do IV Fórum Ministerial União Européia (UE) - América Latina e Caribe sobre a Sociedade da Informação - ALC.

O evento, que ocorre nos dias 28 e 29 de abril, debate o impacto social das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC). O tema também voltará a ser discutido na Reunião de Cúpula da EU de chefes de Estado e de Governo, que ocorrerá em maio deste ano, em Viena, na Áustria.

Outro tema abordado pelo Fórum é a implementação do programa de trabalho bi-regional para a inclusão digital adotado no III Fórum Ministerial  América Latina e Caribe (ALC) e União Européia (UE) sobre a Sociedade da Informação, realizado no Rio de Janeiro, em 2004.

Segundo o secretário de Logística e Tecnologia da Informação, Rogério Santanna, o evento também abre a possibilidade de cooperação entre a Comunidade Européia e o Brasil no âmbito da Sociedade da Informação, como governo eletrônico, padrões de interoperabilidade, softwares, entre outros.

Participam do Fórum ministros, coordenadores dos programas nacionais da Sociedade da Informação e Inclusão Digital, presidentes das agências reguladoras do setor, representantes da sociedade civil, do setor privado e de organizações internacionais de ambas as regiões.


Sociedade da Informação

O secretário de Logística e Tecnologia da Informação também participa do Working Party on Indicators for the Information Society, que ocorre em Paris, de 2 a 4 de maio. O evento, realizado pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OECD) vai discutir sobre indicadores da sociedade da informação. Com 30 países membros, a OECD é uma organização internacional dos países desenvolvidos com os princípios da democracia representativa  e da economia de livre mercado.

Na ocasião, Santanna que também é membro do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.Br),  vai apresentar os resultados das pesquisas sobre a penetração e uso da internet em domicílios - TIC Domicílios - e a penetração e uso das tecnologias da informação e comunicação em empresas - TIC Empresas - realizadas ano passado no Brasil pelo CGI.Br.

"Pesquisas importantes como essa contribuem para promover o debate e criar as condições  para que o setor público possa planejar os programas de governo eletrônico e de inclusão digital, bem como as políticas de difusão da banda larga no país e toda a infra-estrutura co-relacionada com o desenvolvimento da internet", salientou Santanna.