Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Planejamento disponibiliza versão 2016 dos Padrões de Interoperabilidade

Notícias

Planejamento disponibiliza versão 2016 dos Padrões de Interoperabilidade

O documento ficou em consulta pública e recebeu contribuições da sociedade

publicado: 02/12/2015 03h00 última modificação: 25/07/2016 14h35

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP), disponibilizou hoje (2), para os 224 órgãos integrantes do Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (SISP), a versão 2016 dos Padrões de Interoperabilidade de Governo Eletrônico (ePING).

O documento ficou em consulta pública no Participa.br entre 26 de outubro e 15 de novembro deste ano e contou com a colaboração da sociedade em geral. Dentre as modificações, destacam-se a inclusão de padrões de computação em nuvem no Segmento 1 (Interconexão), e a inclusão dos Padrões de Interoperabilidade em Saúde no Segmento 4 (Organização e Intercâmbio de Informações).

Sobre a ePING – A arquitetura ePING define um conjunto mínimo de premissas, políticas e especificações técnicas que regulamentam a utilização da Tecnologia de Informação e Comunicação (TIC) no governo federal.

A interoperabilidade tem sido vista como uma das diretrizes para melhorar os serviços públicos para o cidadão e aumentar a participação social. Ao utilizar padrões para a integração de sistemas, o governo minimiza o número de interações que o cidadão precisa fazer para ser atendido e para fornecer mais dados à sociedade, promovendo a transparência e o controle social.

A versão final com as alterações e contribuições já pode ser consultada na página do Participa.br e também na página do Governo Eletrônico.

Fonte: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.