Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Planejamento apresenta nova estratégia de compartilhamento de dados oficiais

Notícias

Planejamento apresenta nova estratégia de compartilhamento de dados oficiais

Servidores de diversos órgãos públicos conheceram hoje a plataforma GovData

publicado: 03/04/2017 09h55 última modificação: 03/04/2017 09h55

Representantes de 16 órgãos públicos conheceram, nesta quinta-feira (30), a GovData - nova estratégia do governo federal para o compartilhamento e cruzamento de dados. O projeto do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP) será lançado oficialmente até o final de abril. A plataforma tem o objetivo de simplificar o acesso e análise de gestores públicos a diferentes dados governamentais e desta maneira auxiliar o desenvolvimento de políticas públicas.

“A Tecnologia da Informação (TI) não é mais uma área meio dentro de um órgão, as soluções digitais devem trazer melhorias para as políticas e serviços públicos”, explica Marcelo Pagotti, secretário de Tecnologia da Informação do MP. “Ferramentas como a GovData auxiliam o gestor público na tomada de decisões e ainda reduzem os gastos do governo federal”.

A GovData estará disponível para todos os órgãos do Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (SISP).

De acordo com Pagotti, a nova plataforma é uma das ações da Secretaria de Tecnologia da Informação (STI/MP) resultantes do Decreto nº 8.789, que dispõe sobre o compartilhamento de bases de dados na administração pública federal. Entre as finalidades desta norma estão a simplificação da oferta de serviços públicos e também a formulação, a implementação, a avaliação e o monitoramento de políticas públicas.

Num primeiro momento, estarão disponíveis na GovData 30 bases de dados. Entre elas o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), o Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos (Siape) e o Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal (Siafi), por exemplo.

Segundo o secretário Pagotti, a gestão dos dados continua com os órgãos responsáveis. Os dados do CPF, por exemplo, continuarão sendo geridos pela Receita Federal. A mudança está na forma como outras entidades públicas poderão analisar o conjunto de informações disponibilizados na plataforma.

A GovData é uma parceria do MP com o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) e Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social (Dataprev).

Fonte: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão