Você está aqui: Página Inicial > Notícias > MDS e Planejamento apresentam balanços de combate ao Aedes

Notícias

MDS e Planejamento apresentam balanços de combate ao Aedes

Mais de 250 mil servidores já foram capacitados para serem multiplicadores das informações na luta contra o mosquito

publicado: 14/03/2016 01h00 última modificação: 20/04/2016 10h56

Para reforçar a atenção do funcionalismo público federal no combate ao Aedes aegypti, o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), em parceira com o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP), realizou nesta sexta-feira (11) mais uma ação da campanha Zika Zero, em conversa com servidores no bloco C. Ministra e secretários apresentaram balanços das ações que têm sido realizadas.

combate_ao_aedes.jpeg

Para Tereza Campello, ministra do MDS, as ações do governo no combate ao mosquito exigem engajamento do setor público. Segundo ela, o movimento é proveitoso e não se restringe apenas aos prédios federais, pois alcança as famílias de baixa renda, que são as mais atingidas. “Se continuarmos com bons resultados, acredito que, no próximo período, conseguiremos, de fato, uma redução dos casos e uma ação concreta frente a essa guerra contra o mosquito”, afirmou.

O primeiro ciclo da ação do governo em combater o Aedes aegypti teve início em 29 de janeiro, na Esplanada dos Ministérios. Além de mobilizar servidores públicos em prol da causa, a ação teve também como foco a vistoria dos prédios federais. Cerca de 90% de todos os imóveis do Brasil já foram vistoriados, equivalente a quase 60 milhões de residências, escritórios e repartições comerciais.

O governo empenha-se, também, em capacitar os servidores da administração pública. Um total de 251.600 já foram capacitados para serem multiplicadores do conjunto de informações de combate ao mosquito.

A ministra mencionou, ainda, que a mobilização é uma luta contínua e que deve envolver governo e sociedade. “Precisamos fazer uso das ferramentas que temos em mãos. Usem as redes sociais, evolvam familiares, amigos e vamos trabalhar juntos nessa guerra”, disse, convocando os servidores do MDS e Planejamento.

Cristiano Heckert, secretário de Tecnologia da Informação do MP, ressaltou a mobilização de todo o governo federal em torno do tema. Para Heckert, o País tem que aproveitar a força de engajamento social em um momento em que todos estão envolvidos na luta. O secretário sinalizou, ainda, que tem envolvido toda a Secretaria na mobilização. “Nós queremos uma administração 100% digital, não podemos morrer por um mosquito”, destacou.

Fonte: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.