Você está aqui: Página Inicial > Notícias > MC estimula inclusão digital via universidades no Nordeste

Notícias

MC estimula inclusão digital via universidades no Nordeste

Em Juazeiro do Norte (CE), André Figueiredo debateu projetos para beneficiar a educação e o turismo regional

publicado: 19/04/2016 01h00 última modificação: 09/03/2017 15h08

p> Juazeiro do Norte, 19/04/2016 - "Com investimentos em internet de alta velocidade, o governo federal integra o país e reduz as desigualdades", disse o ministro das Comunicações, André Figueiredo, nesta terça-feira (19), em Juazeiro do Norte (CE), durante reunião que discutiu a implementação do Projeto de Integração das Ações de Inclusão Digital com a Universidade Regional do Cariri (URCA), a Universidade Federal do Cariri (UFCA) e o Instituto Federal do Ceará (IFCE). Mais cedo, o gestor do Ministério das Comunicações (MC) assinou o contrato para migração da faixa AM para o FM da Rádio Cetama, de Barbalha (CE).

No encontro promovido na UFCA, que contou com a participação de reitores e acadêmicos da Região do Cariri, equipes técnicas das instituições de ensino apresentaram pré-projetos com propostas que deverão ser adotadas para o beneficiamento de áreas como educação, meio ambiente, turismo e agricultura, bem como favorecer a formação técnica-profissional em tecnologias da Informação e Comunicação (TICs).

A iniciativa, que contemplará uma ação de cada instituição com investimentos de até R$ 150 mil, também contribuirá com a expansão dos programas já implantados pelo MC no Cariri, como o Cidades Digitais, o Centro de Recondicionamento de Computadores, o Serviço de Atendimento ao Cidadão (Gesac) e os telecentros.

André Figueiredo destacou a importância de parcerias para estimular o desenvolvimento social e econômico a partir da evolução da tecnologia. "O Cariri é reconhecido como um centro de integração do Nordeste. Isso mostra um potencial que pode ser explorado pelas universidades para beneficiar as áreas de educação e de turismo", pontuou, que estava acompanhado do vice-reitor da UFCA, Ricardo Ness.

O secretário de Inclusão Digital do MC, Américo Bernardes, informou que as propostas mostram convergência e vão proporcionar a integração com alunos e toda comunidade da região. "Os projetos vão incentivar o fomento das atividades que já simbólicas para a região", explicou, ao relatar que as localidades apresentam 60 telecentros e 80 conexões.

Fonte: Ministério das Comunicações.