Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Integração entre a universidade e o Portal SPB é tema em evento acadêmico

Notícias

Integração entre a universidade e o Portal SPB é tema em evento acadêmico

publicado: 29/05/2014 01h00 última modificação: 24/06/2016 09h01

O artigo "Núcleo Temático como Integração entre a Academia e o Portal do Software Público Brasileiro", dos professores João Sedraz (UNIVASF) Jorge Cavalcanti (UNIVASF) e Alex Sandro Gomes (UFPE) foi apresentado no V Workshop de Software Livre Bahia-Alagoas-Sergipe (FREEBASE) que ocorreu em Feira de Santana-BA, no último dia 23/04, como parte da XIV Escola Regional de Computação Bahia Alagoas Sergipe - ERBASE (http://erbase2014.uefs.br).

O artigo relata a experiência da primeira turma do Núcleo Temático do Software Público Brasileiro (Núcleo SPB), componente curricular multidisciplinar ofertada para estudantes dos diversos cursos da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF). A partir de atividades práticas em projetos do Portal SPB e de palestras ministradas por professores da instituição, a disciplina discute os conceitos de software livre, governo eletrônico, transparência pública e Software Público Brasileiro, estimulando o envolvimento dos estudantes em comunidades do portal.

Como agente integrador das políticas públicas e indutor de desenvolvimento, a universidade pode e deve desempenhar um papel importante na promoção do uso de soluções tecnológicas livres de toda e qualquer restrição, apoiando a transferência tecnológica, disseminando a cultura do compartilhamento e da colaboração no desenvolvimento das soluções relevantes para a sociedade. Por meio do Núcleo SPB, a UNIVASF proporciona aos seus estudantes uma disciplina diferenciada, com ações de ensino, pesquisa e extensão, contribuindo na formação de novos agentes para sustentabilidade e evolução do Software Público Brasileiro.

Ao participar do Núcleo SPB, os estudante puderam vivenciar uma experiência de trabalho em equipe auto-gerenciável, proporcionada pela metodologia ágil adotada nos projetos desenvolvidos na disciplina. Além disso, puderam compreender a importância de regras, prazos e metas estabelecidas para o trabalho colaborativo. Como produto das ações realizadas pelos discentes em comunidades do Portal SPB, dez soluções tiveram suas novas páginas de apresentação desenvolvidas pelos alunos (ver exemplo em pagina.softwarepublico.gov.br/gsan/).

O nível de conhecimento e interesse dos estudantes pelo tema Software Público Brasileiro foi substancialmente incrementado com as ações executadas no Núcleo SPB, cuja oferta foi renovada neste semestre.

 

 Fonte: Portal do Software Público.