Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Governo seleciona 505 projetos para concurso de aplicativos

Notícias

Governo seleciona 505 projetos para concurso de aplicativos

Segunda edição do INOVApps vai premiar 100 projetos com R$ 50 mil para cada, em um total de R$ 5 milhões

publicado: 15/09/2015 01h00 última modificação: 20/04/2016 11h13

A segunda edição do Concurso INOVApps vai premiar 100 projetos de aplicativos para smartphones e TVs conectadas com R$ 50 mil para cada, em um total de R$ 5 milhões. O total de 505 projetos atendeu aos requisitos exigidos e estão habilitados a participarem da próxima fase do concurso do Ministério das Comunicações. Os recursos podem ser submetidos até a próxima sexta-feira (18). Depois da análise dos recursos e da fase de habilitação, começa a análise dos projetos.

projetos para concurso de aplicativos

A lista completa com o resultado preliminar da fase de habilitação pode ser conferida aqui.

Lançado em julho, o concurso INOVApps faz parte da Política Nacional de Conteúdos Digitais Criativos. O objetivo é potencializar a criação de novas empresas no ramo e fomentar a produção científica e tecnológica da área. Esta é a segunda edição da iniciativa, que no ano passado premiou 50 projetos de aplicativos.

O programa recebeu 932 propostas em um mês e meio de inscrições abertas. Na análise dos critérios estabelecidos pelo edital, 505 projetos ganharam o aval do ministério e 427 foram considerados inabilitados. Entre os habilitados, as categorias que tiveram mais projetos foram Educação (135), Saúde (87) e Mobilidade Urbana (30).

As avaliações foram realizadas por um Comitê Técnico e homologadas por um Comitê Gestor. O Comitê Técnico é composto por especialistas de notório saber nos temas do edital e o Comitê Gestor por representantes do Ministério das Comunicações e do Centro de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico (CDT/UnB).

A iniciativa é uma das ações da Política Nacional de Conteúdos Digitais Criativos. "O programa é uma das várias frentes em que o Ministério das Comunicações tem atuado para desenvolver o mercado brasileiro de tecnologia e desenvolvimento de aplicativos, estimulando o crescimento do setor", afirma o ministro Ricardo Berzoini.

Fonte: Portal Brasil.