Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Estão abertas as inscrições para o Encontro Eletrônico Nacional - Rumo ao aprimoramento da Gestão Pública

Notícias

Estão abertas as inscrições para o Encontro Eletrônico Nacional - Rumo ao aprimoramento da Gestão Pública

Evento, que também será transmitido pela internet, é aberto aos interessados em conhecer o PEN e o SEI

publicado: 15/06/2015 01h00 última modificação: 12/05/2016 15h02

Estão abertas as inscrições para o Encontro Eletrônico Nacional - Rumo ao aprimoramento da Gestão Pública. O evento será realizado em 29 de junho, no auditório do térreo do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP), das 14 às 18h. O encontro é aberto para órgãos e servidores públicos interessados em conhecer o Processo Eletrônico Nacional (PEN) e o Sistema Eletrônico de Informações (SEI) e contará com relatos de experiências de órgãos que já utilizam o sistema.

Os interessados em participar devem preencher o formuláriodisponível no Portal de Compras Governamentais. Os materiais já estão disponíveis no ambiente colaborativo do SEI, o ColabSEI.

O SEI foi desenvolvido pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região e cedido gratuitamente para as instituições públicas, sob a coordenação do MP. Mais de 100 órgãos públicos já manifestaram o interesse de aderir ao PEN e utilizar o sistema para tramitar digitalmente seus documentos. Além do MP, os ministérios da Justiça, Comunicações e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) estão entre as entidades públicas que já utilizam o sistema.

O uso da solução oferece inúmeros benefícios para os órgãos públicos:

Agilidade: A tramitação de processos eletrônicos se torna mais ágil, já que, o software, elimina a tramitação de procedimentos no meio físico.

Gastos: O software dispensa a prática da impressão, cortando gastos com aquisição de resmas de papel e aluguel de impressoras, o que contribui para a economia de recursos públicos.

Produtividade: O uso do SEI permite ainda, o compartilhamento de informações em tempo real. Gera ganhos em agilidade, produtividade, maior sustentabilidade e, consequentemente, satisfação do público usuário.

Para o secretário de Logística e Tecnologia da Informação do MP, Cristiano Heckert, o uso do sistema também é sinônimo de desburocratização. "Não podemos usar o SEI como uma automatização da burocracia. É preciso que utilizemos a solução para redefinir todo o processo de trabalho, não podemos desperdiçar o potencial da ferramenta", afirma Heckert.

Fonte: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.