Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Concurso de acessibilidade premia projetos na internet

Notícias

Concurso de acessibilidade premia projetos na internet

Prêmio Todos@Web destaca os melhores sites, aplicativos mobile e iniciativas de inclusão para pessoas com deficiência

publicado: 04/12/2013 03h00 última modificação: 21/07/2016 16h55

Brasília, 4/12/2013 - Os vencedores do 2º Prêmio Nacional de Acessibilidade na Web, o concurso Todos@Web, foram conhecidos na noite desta terça-feira, 3, em São Paulo. A iniciativa, uma parceria do Ministério do Planejamento (MP) com o escritório brasileiro do W3C e o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), reconhece personalidades, tecnologias, sites e aplicativos que eliminam as barreiras de acesso à web por pessoas com deficiência, sejam elas temporárias ou permanentes.

Essa edição do prêmio teve um aumento de 40% no total de inscritos, passando de 47 iniciativas em 2012 para 66 este ano. Os participantes inscreveram projetos para os mais diversos setores, como bancário, educacional, governamental, empresarial e de organizações sem fins lucrativos.
Confira os vencedores em cada categoria:

Pessoas / Instituições:

Leda Spelta – psicóloga e consultora da Acessibilidade Brasil.

Leda é deficiente visual e uma das maiores especialistas do país na avaliação de acessibilidade na internet e na orientação para a construção de sites acessíveis. Conheça a experiênciada consultora.

Aplicativos e tecnologias assistivas:

Mouse Acessível

Criado pelo Núcleo de Acessibilidade Virtual da Universidade Federal do Ceará, o equipamento utiliza conexão Bluetooth e permite o uso de um smartphone ou tablet no lugar do mouse convencional para navegação na Internet. Acesse a experiência

Projetos Web (com três subcategorias):

Governamentais:

Portal da Casa de Oswaldo Cruz

O canal da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) destaca-se por atender à maior parte dos padrões que garantem a acessibilidade de pessoas com deficiência.

Serviços / E-commerce:

Reclamações Procon

O projeto visa facilitar a busca por dados de queixas registradas na entidade de defesa do consumidor e foi desenvolvido por um grupo de estudantes, programadores e designers do curso da Especialização em Padrões Web da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, em Londrina.

Institucionais / Entretenimento / Cultura / Educação / Informação / Blogs:

Studio Pilates Potirendaba

Dentre os concorrentes, o sítio criado pela academia de Pilates foi considerado aquele com mais recursos de acesso às pessoas com deficiência.

Tenha mais informações sobre o Todos@Web na página do prêmio.

Fonte: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão