Você está aqui: Página Inicial > Notícias > CERT.br reforça boas práticas para prevenção de ransomware

Notícias

CERT.br reforça boas práticas para prevenção de ransomware

publicado: 16/05/2017 18h34 última modificação: 16/05/2017 18h34

O Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil (CERT.br) atualizou as dicas de como se proteger do sequestro de dados, o ransomware. Originalmente produzido em setembro de 2016, o material define o que é o ransomware e quais os tipos existentes. A atualização do conteúdo reforça a importância de realizar backups, de manter os dispositivos protegidos e, também traz informações sobre as formas de infecção e propagação mais comuns.

"O mais importante continua sendo que o usuário evite ser infectado, por isso a proteção é essencial ", destaca Cristine Hoepers, gerente do CERT.br. Os principais cuidados a serem tomados para isso são:

  • manter o sistema operacional e os programas instalados com todas as atualizações aplicadas;
  • ter um antivírus instalado;
  • ser cuidadoso ao clicar em links ou abrir arquivos;
  • fazer backups regularmente.

O CERT.br também enfatiza que os backups devem ficar desconectados do sistema para evitar que, em caso de infecção por ransomware, as cópias de segurança não sejam também sequestradas. Adicionalmente, orienta-se que o backup não seja recuperado se o usuário desconfiar que a cópia de segurança também possa ter sido comprometida.

Confira os materiais de conscientização sobre ransomware produzidos pelo CERT.br em: https://cartilha.cert.br/ransomware/.

Fonte: Site do NIC.br