Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Abertas inscrições para Curso de Elaboração de Plano de Dados Abertos

Notícias

Abertas inscrições para Curso de Elaboração de Plano de Dados Abertos

Interessados em participar devem se inscrever até 23 de março

publicado: 13/02/2017 09h51 última modificação: 13/02/2017 09h51

Estão abertas as inscrições para o Curso de Elaboração de Plano de Dados Abertos. A capacitação é voltada preferencialmente para servidores públicos envolvidos com atividades de Tecnologia da Informação (TI), Dados Abertos e monitoramento da Lei de Acesso à Informação (Lei nº 12.527, de novembro de 2011). Os interessados em participar da formação à distância devem se inscrever até 23 de março.

“O caminho para construirmos um governo transparente e com participação social passa pela abertura de dados governamentais. Os servidores do ministério estão à disposição dos órgãos para trabalharmos juntos na elaboração desses planos”, afirmou o secretário de Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP), Marcelo Pagotti. A Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) é responsável pela coordenação da Política de Dados Abertos, instituída pelo Decreto nº 8.777.

Os dados são abertos quando disponibilizados em formato que pode ser tratado por pessoas e máquinas. “A abertura de dados favorece empresários, pesquisadores, estudantes e também toda a sociedade, que pode ser beneficiada por novos serviços públicos desenvolvidos”, explicou Pagotti. Qualquer cidadão pode livremente usá-los, reutilizá-los e redistribuí-los, estando sujeito, no máximo, a exigência de creditar a sua autoria.

A formação é uma parceria do MP com a Escola Nacional de Administração Pública (Enap). O curso, oferecido na modalidade a distância, tem carga horária de 20 horas e três semanas de duração. A capacitação será iniciada no dia 28 de março de 2017.

Portal

A nova versão do Portal Brasileiro de Dados Abertos (dados.gov.br) foi lançada em dezembro de 2016 pela STI. O trabalho para auxiliar na construção dos PDAs tem o objetivo de garantir a sustentabilidade, perenidade, atualização e catalogação das informações no sítio. Até o momento, cerca de 35 órgãos já elaboraram seus planos.

A Política de Dados Abertos está alinhada com a Estratégia de Governança Digital (EGD), documento que orienta as ações de Tecnologia da Informação (TI) do governo federal até 2019.

Fonte: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão